Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

As Contas de Deus

Um blogue, alguns números ... opiniões, a Palavra vivida, ... em Missão !!! EVANGELIZAR !!!

As Contas de Deus

Um blogue, alguns números ... opiniões, a Palavra vivida, ... em Missão !!! EVANGELIZAR !!!

3 Virtudes teologais …

Segundo o CIC (Catecismo Igreja Católica), as virtudes teologais "têm como origem, motivo e objeto imediato o próprio Deus. São infundidas no homem com a graça santificante, tornam-nos capazes de viver em relação com a Trindade, fundamentam e animam o agir moral do cristão, vivificando as virtudes humanas. Elas são o penhor da presença e da ação do Espirito Santo nas faculdades do ser humano".

 

: através dela, os cristãos creem em Deus, nas suas verdades reveladas e nos ensinamentos da Igreja, visto que Deus é a própria Verdade …

 

ESPERANÇA: por meio dela, os crentes, por ajuda da graça do Espirito Santo, esperam a vida eterna e o Reino de Deus, colocando a sua confiança perseverante nas promessas de Cristo …

 

CARIDADE (ou amor): por meio dela, "amamos a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos por amor de Deus. Jesus faz dela o mandamento novo, a plenitude da lei ".

 

Para nós Católicos, a caridade é «o vínculo da perfeição» (Col 3,14), logo a mais importante e o fundamento das virtudes.

 

Vivemos ou espelhamos + umas que outras (?!) …

 

Na escadaria do santuário do Bom Jesus de Braga, existem 3 esculturas que nos lembram estas 3 virtudes…

VirtudesBraga.jpg

 

Essas 3 virtudes, junto com a graça santificante, são nos infundidas pelo sacramento do Batismo. Uma criança, pelo batismo recebe-as ainda que não seja capaz de praticá-las… fá-lo-á quando chegar ao uso da razão. Uma vez recebidas, não se perdem facilmente.

 

IMG_3177.JPG

 

 

 

 

A virtude da caridade, a capacidade de amar a Deus com amor sobrenatural, só se perde pelo pecado mortal. 

Mas mesmo que se perca a caridade, a fé e a esperança permanecem.

A virtude da esperança só se perde por um pecado direto contra ela, pelo desespero de não confiar mais na bondade e na misericórdia divinas. 

E, é claro, se perdemos a fé, perdemos também a esperança, pois é evidente que não se pode confiar em Deus se não se crê n`Ele.

E a fé, por sua vez, perde-se por um pecado grave contra ela, quando nos recusamos a crer no que Deus revelou.

O relacionamento com Deus exige uma ação, uma cooperação de cada um. Não é um amor que só se doa ou que só recebe. É uma via de mão dupla, pois, quanto + o homem se dá a Deus, + recebe e quanto + recebe de Deus, + se quer configurar a Ele. 

 

As virtudes auxiliam no processo de configuração a Jesus Cristo, o homem como Deus sonhou, o homem que amou Deus como Ele quer ser amado, o homem-modelo de todos os homens.